terça-feira, 31 de janeiro de 2017





O Jardim Zoológico, deixa-me sempre um misto de emoções.
Se por um lado sei que esta é uma forma de salvar algumas espécies... por outro lado, entristece-me o facto de aqueles seres vivos não saberem o que é ser livre.
Se por um lado, os adoro ver, por outro, entristece-me a exibição a que estão sujeitos.
Não existindo uma utopia, acredito em santuários. Um espaço equivalente ao seu habitat natural, grande o suficiente para se sentirem livres, protegidos de quem não os respeita e ainda assim, pensado só para eles.




















































Fazendo o percurso de teleférico, percebemos imediatamente todo o espaço que está desperdiçado. E para que possa vir a melhorar mais e mais, sempre em prol do bem estar dos animais, as receitas são necessárias.
Por esse motivo, continuarei a visitar este espaço, para que seja mantido e melhorado, mesmo que me sinta sempre entre a felicidade e a tristeza, acredito que é exatamente o papel, daqueles que os amam e que os respeitam, acreditar que existe um "Mundo" melhor para eles. 


Sem comentários :

Enviar um comentário